Jeoseba

Um Coração Cheio de Coragem, Amor E Bondade
Valdenira Nunes de Menezes Silva

"Mas Jeoseba... tomou a Joás... furtando-o dentre os filhos do rei..." (2Re 11:2)

A vida de Jeoseba, mulher de coração cheio de amor e bondade, estava ligada à vida de Atalia, mulher egoísta, cruel e obcecada pela necessidade de poder.

Vamos ver o que o Novo Dicionário da Bíblia diz sobre cada uma dessas mulheres:

1- Jeoseba - Filha de Jorão ou Jeorão, irmã ou meia-irmã de Acazias. Salvou a vida de Joás (2Re 11:2) quando Atalia procurou eliminar toda a descendência real. Seu casamento com Joiada (2Re 22:11) é o único exemplo registrado de uma união entre uma princesa da casa real com um sumo-sacerdote.

2 - Atalia - Filha de Onri (2Re 8:26). Seu casamento com Jeorão, rei de judá, assinalou uma aliança entre os reinos israelitas do norte e do sul, implicando em superioridade para Israel. A morte de seu filho, Acazias, após reinado de um ano, às mãos de Jeú, na 'Revolução Profética' (2Re 8:25-10:36), revelou-a como mulher perversa (2Cr 24:7). A fim de conservar o poder de que desfrutava como rainha-mãe 'destruiu toda a descendência real' (2Re 11:1) e assim começou a reinar (cerca de 842 A.C.)...

Após este relato sobre as vidas destas duas mulheres, começamos a conhecer, um pouco, cada uma delas.
Podemos dizer que a princesa Jeoseba, mulher muito corajosa, fez o que era certo aos olhos do Senhor e, assim, salvou a vida de Joás que foi ascendente de Jesus. A Bíblia nos diz que ela percebendo que todos os filhos do seu irmão Acazias estavam sendo mortos por Atalia, mulher má e egoísta, decidiu esconder no templo, o filho mais novo dele.
Ai de nós se Jeoseba não tivesse tido a coragem de agir, livrando da morte aquele que foi ascendente de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo!
Ai de nós se ela não tivesse tido a coragem de enfrentar a malvada Atalia, arriscando a sua própria vida!

Jeoseba era filha do rei, casada com o sumo-sacerdote e mulher de coração sensível ao Senhor. Deus a usou porque a conhecia e sabia que ela era bastante corajosa para tomar esta atitude - o modo como Deus queria que ela agisse... escondendo Joás por seis anos, antes que Atalia o assassinasse como fez com os outros netos. Agindo assim, ela preservou a linhagem de Judá de onde veio o nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

Na Bíblia, podemos encontrar várias mulheres que foram usadas por Deus e que, assim como Jeoseba, ouviram o chamado do Senhor apesar de arriscarem suas vidas. Elas venceram o mal fazendo o bem. Dentre tantas mulheres virtuosas e corajosas podemos citar duas:

1. A filha de Faraó - Ela foi contra as ordens de seu pai, o Faraó do Egito (que havia mandado matar todos os meninos, filhos de judeus, recém-nascidos), quando decidiu criar o bebezinho judeu, Moisés.
Você, irmã, arriscaria a sua vida por amor a Deus?
Você faria qualquer coisa que o Senhor colocasse diante de você, mesmo sabendo que poderia ser morta?
Você teria coragem de se tornar uma mártir por amor a Cristo, que morreu por mim e por você?
De uma coisa eu tenho certeza, se eu sou uma filha de Deus, que se esforça para sempre fazer a vontade dEle, então é Ele quem irá me transformar numa mulher corajosa, pronta para morrer por Ele.

2. Raabe - Ela ajudou os espias que Josué enviou para reconhecer a terra, mesmo sabendo que poderia ser morta. No lugar de Raabe, você faria o mesmo? Você teria a mesma coragem?
Você arriscaria a sua vida por amor a Cristo, que morreu por mim e por você?

Jeoseba não foi apenas uma mulher corajosa mas foi também muito sábia, pois o lugar onde ela escondeu o pequeno Joás foi o templo. Como Atalia era adoradora de Baal, ela jamais procuraria ou entraria no templo do Senhor.
Ao observar estes atributos de Jeoseba cheguei à seguinte conclusão: se eu quiser trabalhar e fazer grandes coisas para o meu Deus, tenho que ser uma mulher corajosa e ousada. Mas somente a Palavra de Deus é que poderá me fortalecer. E, neste meu desejo de transformar-me numa mulher que enfrentará tudo por amor a Ele, lembrei-me de Isaías 41:10 que diz: "Não temas, porque Eu sou contigo; não te assombres, porque Eu sou teu Deus; Eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da Minha justiça."
No livro "Momentos de Intimidade com Deus" há uma história da autoria de Rebekah Montgomery onde ela diz: "Desde aquela época, descobri que a Palavra de Deus diz 365 vezes 'não temas', uma vez para cada dia do ano. Meu desafio pessoal passou a ser a pergunta que faço diariamente: 'o que faria para Deus hoje se não tivesse medo?" E finalizando ela ora assim: "Pai, ajude-me a caminhar de forma ousada pelos caminhos que o Senhor preparou para mim. Permita-me tornar o mundo um lugar melhor, pois aceito o 'não temas', como uma ordem e confio no Senhor o suficiente para agir em Seu nome."
Ah Senhor, que meu desafio pessoal passe a ser a mesma pergunta que Rebekah faz diariamente: "O que faria para Deus hoje se não tivesse medo?"

Quando o rei de Judá faleceu, ficou no seu lugar o filho de Atalia, Acazias. O seu reinado, no entanto, durou pouco, pois Jeú, o carrasco de Jezabel, mãe de Atalia, o matou.
Com a morte de seu filho, Atalia ficou obcecada pelo poder e mandou matar todos os seus netos, os verdadeiros herdeiros do trono.
Observando todos estes acontecimentos, parece que o mal venceu o bem. Realmente, por um pouco de tempo "o mal saiu vitorioso".
Há uma frase do filósofo inglês Edmund Burke onde ele diz: "Para que o mal triunfe, basta apenas que os homens de bem não façam nada." Isto, realmente, é verdade, pois se eu vejo que posso fazer algo para evitar o mal e não faço, então o mal sairá vitorioso. Como mulher de Deus devo fazer como Jeoseba que arriscou a própria vida a fim de que o mal não vencesse.

Jeoseba fez o que era certo aos olhos do Senhor mas, no seu coração, ela enfrentava dois tipos de sentimento:
1. Tristeza, por causa da morte de seus amados sobrinhos e...
2. Alegria, por ter conseguido salvar o filho mais novo do seu irmão, escondendo-o até que ele pudesse assumir o reinado por direito.

Atalia fez o que era mau aos olhos do Senhor mas, por um pouco de tempo conseguiu o seu objetivo. Ela também experimentou em seu coração dois tipos de sentimento:
1. Alegria, quando conseguiu o seu objetivo, tornando-se rainha de Judá, após matar seus netos, os verdadeiros herdeiros do trono e...
2. Dor, ao ver o seu fracasso quando soube que havia ainda um neto vivo e que este era o verdadeiro rei.

Ninguém consegue vencer Deus. Ninguém pode mudar os planos de Deus. Mesmo nós, Seus filhos, jamais poderemos mudar os intentos do Senhor. Podemos orar e pedir a Ele e Ele como é um Deus onisciente nos dará o melhor.

Agora, cabe a nós, como filhas de Deus, decidir qual destas duas mulheres queremos seguir:
1. Posso querer ser como Atalia, conseguindo a todo custo a realização dos meus desejos, mesmo que tenha que passar por cima das pessoas, mesmo que tenha que pisoteá-las, derrubá-las e fazê-las sofrer.
Não interessa o que Deus pensa nem o que Ele quer! Eu quero ser "feliz" e farei tudo para conseguir o meu objetivo.
Irmã, esta é uma decisão louca e me faz lembrar de Provérbios 14:12 que diz: "Há caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele são os caminhos da morte."
Que vantagem terei, lutando contra Deus? Que alegria terá a minha alma, se caminho contra as correntezas somente para, por um pouco de tempo, ter "alegria"?

2. Posso querer ser como Jeoseba sendo corajosa, enfrentando mesmo a morte, a fim de que possa estar no centro do perfeito plano de Deus.

O que eu observo, hoje, no mundo, para que eu lute, corajosamente, contra ele?
O mundo ímpio quer acabar com a verdadeira adoração ao Senhor. Hoje em dia, vemos a igreja se conformando com o mundo e destruindo a verdadeira adoração que Deus espera dela. Testemunhamos, dentro da igreja, pessoas dançando, usando skates, cantando músicas do mundo ímpio (rock, por exemplo)... Não há diferença entre os shows de rock que o mundo oferece e os verdadeiros shows que a igreja apresenta em seus cultos que deveria ser de reverência e adoração. É triste, mas isto tem que ser dito de maneira corajosa e sem medo do que poderá cair sobre nossas cabeças. O que mais nos choca é que são os próprios "crentes" que vão se revoltar com tudo isto que estou dizendo, mas, infelizmente, esta é a pura realidade - a igreja está tomando a forma do mundo.
Sabe de uma coisa, irmã? Mesmo que todos fiquem contra mim, porque penso desta maneira, eu tenho Deus que está do meu lado. E... nesta batalha eu não estou só, porque sei que não está nos planos de Deus perdê-la. No fim de tudo, Ele sempre vence! Talvez, eu não veja ainda em vida, esta vitória, mas me alegro por ter sido participante dela.
Agora, veja como estes versículos são um bálsamo para as nossas almas:

"E graças a Deus que sempre nos faz triunfar em Cristo..." (2Co 2:14).

"Muitos propósitos há no coração do homem, porém o conselho do Senhor permanecerá" (Pro 19:21).

Graças à coragem de Jeoseba, Joás tornou-se rei de Judá e reinou por quarenta anos. Ele foi um rei bom que andou nos caminhos do Senhor.
Que nós também possamos fazer grandes coisas para nosso Deus e que sejamos como o rei Joás - pessoas boas e que andam nos caminhos do Senhor.